Chris Froome sobe no ranking do World Tour após a vitória no Giro d’Italia

O ranking World Tour de 2018 mudou depois do primeiro Grand Tour da temporada, o Giro d’Italia, concluído em Roma no domingo. O vencedor foi Chris Froome (Team Sky) e o fez subir no top 10, assim como o vencedor de três estágios Simon Yates (Mitchelton-Scott) e o vencedor de quatro etapas Elia Viviani (Quick-Step Floors).

Apesar das novas adições ao top 10, no entanto, Peter Sagan (Bora-Hansgrohe) mantém seu controle no posto mais alto com 1.914 pontos. Sagan não competiu no Grand Tour italiano, mas optou pela Amgen Tour of California. Embora ele não tenha garantido uma vitória em etapas, seus dois lugares no pódio aumentaram sua participação. Alejandro Valverde (Movistar) continua em segundo lugar com 1.682 pontos depois de uma campanha estelar na primavera.

Yates venceu as etapas de montanha 9, 11 e 15 durante o Giro d’Italia e vestiu a Maglia Rosa por 13 dias, o que lhe fez escalar 16 degraus no ranking do World Tour. Ele agora está em terceiro, atrás de Sagan e Valverde, com 1.472 pontos.

Da mesma forma, Viviani venceu as etapas 2, 3, 13 e 17 no Giro, juntamente com a classificação geral dos pontos, o que foi suficiente para levá-lo ao quarto lugar no ranking World Tour, com 1.397 pontos. A ascensão de Yates e Viviani empurrou Niki Terpstra (Quick-Step) e Primoz Roglic (LottoNL-Jumbo) para quinto e sexto lugares, respectivamente.

Froome fez o maior ganho, subindo 271 posições no ranking. Ele é agora o sétimo com 1.205 pontos, depois de sua vitória geral no Giro d’Italia, juntamente com vitórias nos estágios 14 e 19, e ele ganhou a classificação de montanha. O Tirreno-Adriatico é a única outra corrida do World Tour que o Froome competiu neste ano.

Outras grandes mudanças no ranking do World Tour após o Giro d’Italia vieram de Tom Dumoulin (Team Sunweb), cujo segundo lugar na geral o levou a 135 lugares acima, indo a 13º. O terceiro colocado Miguel Ángel Lopez (Astana) subiu 50 posições e agora está em 17º, o quarto colocado Richard Carapaz (Movistar) subiu 110 posições e ocupa o 29º lugar e o quinto Domenico Pozzovivo (Bahrein-Mérida) subiu 35 posições e agora está em 24º no ranking.

O vencedor do Tour of California, Egan Bernal (Team Sky), caiu três posições, como resultado dos finalistas do Giro d’Italia, e está em décimo na geral.

Após uma primavera vencedora, a Quick-Step Floors lidera a classificação de equipe com 7.979 pontos. Mitchelton-Scott subiu para o segundo lugar com 4.562 pontos, batendo o Bora-Hansgrohe no terceiro lugar com 5.460 pontos.

 

World Tour ranking 2018 após o Giro d’Italia : classificação individual

1             Peter Sagan (Svk) Bora-Hansgrohe         1914      pts

2             Alejandro Valverde (Spa) Movistar Team            1682

3             Simon Yates (GBr) Mitchelton-Scott      1472

4             Elia Viviani (Ita) Quick-Step Floors           1397

5             Niki Terpstra (Ned) Quick-Step Floors   1297

6             Primoz Roglic (  1211

7             Chris Froome (GBr) Team Sky   1205

8             Julian Alaphilippe (Fra) Quick-Step Floors            1198

9             Michael Valgren (Den) Astana Pro Team             1195

10           Egan Bernal (Col) Team Sky        1063

11           Tiesj Benoot (Bel) Lotto Soudal 1010

12           Greg Van Avermaet (Bel) BMC Racing Team      993

13           Tom Dumoulin (Ned) Team Sunweb      950

14           Daryl Impey (RSA) Mitchelton-Scott      941

15           Jasper Stuyven (Bel) Trek-Segafredo    940

16           Philippe Gilbert (Bel) Quick-Step Floors               931

17           Miguel Angel Lopez (Col) Astana Pro Team        899

18           Arnaud Demare (Fra) Groupama-FDJ    827

19           Roman Kreuziger (Cze) Mitchelton-Scott            812

20           Sep Vanmarcke (Bel) EF Education First-Drapac p/b Cannondale             800

21           Richie Porte (Aus) BMC Racing Team     795

22           Oliver Naesen (Bel) AG2R La Mondiale 774

23           Michael Matthews (Aus) Team Sunweb              760

24           Domenico Pozzovivo (Ita) Bahrain-Merida          757

25           Marc Soler (Spa) Movistar Team              745

 

Classificação por equipes

1             Quick-Step Floors           7979      pts

2             Mitchelton-Scott             5462

3             Bora-Hansgrohe              5460

4             Team Sky            5094

5             Movistar Team 4690

6             BMC Racing Team           4494

7             Bahrain-Merida               4349

8             Astana Pro Team             4261

9             AG2R La Mondiale          3468

10           Team Sunweb  3245

11           LottoNl-Jumbo 3244

12           Lotto Soudal      3181

13           EF Education First-Drapac p/b Cannondale         2663

14           Trek-Segafredo               2572

15           UAE Team Emirates       2311

16           Groupama-FDJ 1532

17           Katusha-Alpecin              1260

18           Dimension Data               1240

Com informações: cyclingnews
Fotos:

Deixe seu comentário

Comentários